Perguntas Frequentes

Como faço para receber o Evangelho diariamente?

Que bom que você deseja receber o Evangelho diariamente. Por causa de tua escolha, a alegria tomou conta do Céu. Clique neste link e solicite a sua participação. Aguardamos o seu contato.

 

Como faço para cancelar o recebimento do Evangelho?

Que pena, sabemos que o envio diário de mensagens pode não agradar a maioria das pessoas. Mas, infelizmente, para este serviço não temos uma modalidade de menor periodicidade. Se quiser parar de receber o Evangelho, basta enviar-nos uma mensagem dizendo que não quer mais receber o Evangelho. Mas esperamos que isso realmente não aconteça.

 

Porque não estou recebendo o Evangelho?

Desculpe-nos pelo transtorno. As postagens acontecem apenas uma vez ao dia, preferencialmente na parte da manhã. Se você acabou de se cadastrar, pedimos paciência, pois amanhã cedinho já deverá estar recebendo o seu primeiro Evangelho do dia. Em todo caso, verifique se incluiu o nosso número em sua agenda, pois o WhatsApp não permite o recebimento de mensagens via lista de transmissão de contatos desconhecidos. Se precisar de ajude, entre em contato conosco.

 

Quanto vou pagar para poder receber o Evangelho diariamente?

Você já paga para ter acesso à internet, não precisa pagar mais nada. O serviço é totalmente gratuito. Basta ter acesso à internet e ao WhatsApp. O nosso maior pagamento é o Amor que Deus nos dá.

 

Este serviço também irá enviar propagandas para o meu número?

Não. Fique tranquilo. Nada de propagandas, nem de mensagens de bom dia. Você receberá apenas o Evangelho e a Homilia. No domingo e em dias festivos costumamos enviar também a primeira e segunda leitura e o Salmo. Se algum dia acontecer algo extremo (como por exemplo: migrarmos para outro grupo) teremos que enviar um aviso, mas isto será em último caso.


Posso compartilhar o Evangelho com outras pessoas?

Só uma palavra: Deve. Lembre-se do que Jesus falou aos seus discípulos após a ressureição: "Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura." (Marcos 16:15)